Como recuperar fotos escuras tiradas em RAW

Rating: 5.00 based on 1 Rating
Caio Carvalho
  Por Caio Carvalho
Como recuperar fotos escuras tiradas em RAW www.lightroombrasil.com.br

Todo mundo sabe a sensação: Você chega em casa de uma festa , um show ou algum outro evento e a maioria de suas imagens estão muito escuras ou, pior ainda , simplesmente sem nenhuma nitidez devido às pessoas que se mecheram muito rapidamente e você teve que diminuir a velocidade do obturador demais. Ou até mesmo quando você escolheu fotografar com um flash e, embora os rostos estão bem iluminados, não há nenhum fundo escuro para criar qualquer atmosfera de contraste na foto e ela ficou simples e artificial. Bem, neste tutorial iremos ensinar a você aproveitar o máximo das suas fotos escuras.

1 Dica:
Sempre use o formato RAW!

Formato de arquivo RAW basicamente significa que a câmera armazena os dados originais do sensor de imagem e não comprime a foto de qualquer forma. Isso ajudará você a restaurar áreas da foto que estão escuras, clareando-as em pós-produção no Lightroom. Esse tipo de formato também ajuda a minimizar o ruído de imagem , que aumenta em altos valores de ISO.
A única desvantagem para fotografar em RAW é o tamanho do arquivo. Dependendo da câmera, os arquivos descompactados estão entre 20 e 40 Megabytes de tamanho, o que é enorme em comparação com o JPEG . Esses são normalmente entre 4 e 8 MB de tamanho de arquivo. Mas acredite em mim: Vale a pena! A não ser que você precise disparar vários clicks no mesmo segundo e não tenha uma câmera veloz, em todos outros casos aconselho a fotografar em RAW.
Se você fotografar em RAW, poderá facilmente sub-expor a sua foto um pouco a fim de obter uma boa nitidez e corrigir a exposição mais tarde na pós-produção.
Agora que você já aprendeu o básico vamos a próxima etapa:
Existem várias maneiras de resolver esse problema com sua imagem estar muito escura, e vamos ensinar alguns passos importantes para começar a consertar esse tipo de imagem:

As principais configurações a serem alteradas no painel Básico serão:

basico

  • Exposição: Define o brilho geral da sua foto. Isto significa que, se toda a sua imagem é muito escura , você pode aumentar a exposição e toda a imagem será mais clara como se você tivesse usado uma velocidade de obturador mais tempo.
  • Realces: permite que você modifique as parte mais claras. Por exemplo, se você aumentar a exposição e alguma parte de sua imagem está ficando com muito brilho e ficando totalmente branco, você pode diminuir os Destaques e trazê-los de volta a um nível razoável. Esse ajuste é usado geralmente em imagens que são muito claras em algumas partes e escuras em outras, o que ajuda muito a deixar a foto mais clara sem perder informações.
  • Sombras: é o ajuste de áreas que são muito escuras, porém na maioria das fotos esta parte está devidamente iluminada. Um exemplo seria uma situação com iluminação difíciluma parte é bem iluminada, enquanto quase todo o resto está perto de ser totalmente escuro.
    Esses três ajustes irão dar um ótimo ponto de partida para se corrigir a maioria das fotos mais escuras.

Vejam a seguir:

Agora vamos por a mão na massa e fazer com o exemplo a seguir os seguintes ajustes:

foto8

  • Exposição: 1,40 (Para dar mais claridade a imagem inteira)
  • Contraste: +25 (aumentamos o contraste para obter cores melhores)
  • Destaques: -31 (Diminuir este parâmetro é bom para manter as luzes em um nível razoável)
  • Sombras: 47 (Aumentamos esse valor para obter mais informações das áreas escuras da foto compensando a diminuição dos realces)
  • Brancos: 30 (Para colocar mais brancos na imagem)
  • Claridade: +50 (É bom para dar uma clareada melhorandoa nitidez da imagem)
  • Vibrance: 40 (cores mais quentes e fortes – mas não exagere!)
  • Saturação: 10 

Agora veja como ficou nossa imagem:

Se você fez o seu click com um ISO alto ou se sua DSLR é antiga ou você usa uma câmera compacta, provavelmente você vai querer reduzir o ruído da imagem. Você pode diminuir usando a ferramenta Redução de Ruídos do seu Lightroom que normalmente faz um bom trabalho! Só não use demais para não deixar a foto parecendo plástico.
O efeito é encontrada no módulo de Revelação na aba “Detalhe”. Normalmente eu apenas aumento o controle deslizante de Luminância para 25-35 e se a imagem fica sem contraste eu aplico um pouco de nitidez usando o slider de intensidade e masks (aprofundaremos mais essa ferramenta em outro tutorial).

E esse foi o nosso resultado final:

Uma foto que estava perdida agora pode ser usada com apenas alguns minutos de processamento no seu Lightroom. Lembre-se de experimentar com os valores e não exagerar muito, principalmente na claridade e na redução de ruídos que podem granular ou deixar a sua imagem sem contraste nenhum. Uma boa dica é mexer sempre no slider de contraste e exposição um pouco após modificar outros parâmetros, mantendo assim a iluminação e o contraste desejado no seu processamento.
Bom galera esse foi fácil não é mesmo? Ficamos por aqui e esperamos que tenham gostado de mais esse tutorial. Fiquem ligados no nosso portal e no nosso grupo do Facebook para novidades. Se curtiu não esqueça de dar um Like e compartilhar com seus amigos no Twitter e Facebook.

Rating: 5.00 based on 1 Rating
As duas guias a seguir alteram o conteúdo abaixo.
Caio Carvalho

Caio Carvalho

Apaixonado por arte, tecnologia e pela natureza, Caio encontrou na fotografia e vídeo uma forma de se expressar e nunca mais parou. Editor de fotos, fotógrafo e videomaker há quase 10 anos.

Comentários (0)

Ainda não há comentários.

Inscreva-me para um resumo semanal dos melhores artigos publicados no blog

Seu e-mail está seguro com a gente. Promessa